Equipe Chomp: Oficina de Robotica Livre com Porta Paralela

Equipe:

 

Joaquim Cavalcanti

Raphael Andrade

Mateus Espanha

Carlos Strand

 

 

 

 - Objetivos 

Oficina introdutória de Robótica Livre, onde será desenvolvido umprojeto prático. Durante a oficina, serão apresentados os conceitos básicos deeletrônica, programação, Software Livre e Robótica Livre, bem como asferramentas necessárias para a construção de um artefato robótico com materialreaproveitado controlado por computador através da porta paralela.

 - Lista de Materiais e Ferramentas

1PC Capacitor Elet. Rad. 100MF / 25V – C1

2 PC Capacitor Elet. Rad. 10MF / 25V – C2 e C3

1 PC Circuito Integrado REG 7805

1 PC Circuito Integrado REG 7812

1 PC Circuito Integrado SN74HC244

1 PC Circuito Integrado ULN 2803

4 PC Diodo 1N 4007 – D1, D2, D3 e D4

1 PC Diodo Zener 1W. 12,0V – D5

9 PC Resistor Carvão 1/8W. 5% CR25 1K – R14 e R15 (os resistoresrestantes podem ser úteis nos

projetos dos artefatos) 

1 PC Resistor Carvão 1/8W. 5% CR25 10R – R13

4 PC Resistor Carvão 1/8W. 5% CR25 100K – R9, R10, R11 e R12

8 PC Resistor Carvão 1/8W. 5% CR25 390R – R1, R2, R3, R4, R5, R6,R7 e R8

1 PC Placa de Fenolite 01 Face 10 x 15CM

1 PC Soquete Estampado 18 Pinos

1 PC Soquete Estampado 20 Pinos

1 PC Conector DB-25 Fêmea PCI 90G (Dependendo do caso dá paraligar diretamente na placa -

cabos encontrados na sucata)

10 PC Led 03MM Difuso (Comprar os Led´s com cores diversificadas -ajuda na didática) – LED1,

LED2,LED3, LED4, LED5, LED6, LED7, LED8, LED9 (LED12V) e LED10 (LED5V)

10 PC Conector KRE-2 12,5MM 2P 5MM

4 PC Relê 05V.Finder (caso for usado motor de corrente contínua -inversão de rotação)

4 PC Diodo 1N 4148 (para os relês

1 PC Kit para eletrônica (solda, furador ...) - Dependendo do kitalguns componentes deverão ser

comprados separadamente:

Furador de placa de circuito impresso;

Rolo de Soda fina;

Protoboard de 830 furos ou mais;

Ferros de solda com ponta fina de 30W;

Suporte para ferro de solda;

Sugador de solda;

Percloreto de ferro;

Vasilha de plástico para colocar o percloreto de ferro: 30 x 25 cme altura de 10 a 15cm;

Caneta para retroprojetor ou marcador de cd;

Cortador e marcador de circuito impresso;

Conjunto de alicates: Corte e Bico;

Conjunto de chaves: Fenda e Phillips;

Estilete;

Bisnaga de silicone;

Cabo de 1 metro a 1,5 metros DB-25 (macho - macho em ambas aspontas / 1 pra 1);

Fonte de alimentação de computador ou fonte de alimentação de 12v;

 

  - Sucatas Utilizadas

Leitores de CD-ROM

Leitores de Disquete

Cabo de Rede 

 - Relatório

- 19/01/2010

Através do desenho das trilhas impressos em papel fizemos aimpressão desse desenho para a placa IHL passado a folha de papel com astrilhas impressas e a placa por uma impressora adaptada que esquentava a placae o papel e os prensava. Lavamos a placa para tirar o papel e ficar somente atinta sobre ela e depois corroemos a placa com peróxido de ferro para corroeronde não havia tinta e no final passamos Bombril para tirar a tinta e ficarsomente o desenho das trilhas.

 

 

- 20/01/2010

A placa estava marcada para fazer furos para colocar oscomponentes dela. Depois de furar e colocamos os componentes nos lugaresindicados para fixar eles na plca soldamos eles. Alem de fixar a solda tambémda contato dos componentes com as trilhas para que a corrente possa passar.Depois disso testamos e verificamos que não havia nenhum defeito nela.

 

 

 

 

- 21/01/2010

Com a placa finalizada começamos a montar o carro que funcionaligado a ela. Para montar o carro desmontamos leitores de CDs e leitões de disquetesutilizamos seus componentes para montar o carro. Os motores e a carcaça docarro foram retirados de leitores de CDs e as rodas de leitores de disquetes.Na frente do carrinho foi colocado um sensor de infravermelho e um led e resistores.Começamos a programar e testar o funcionamento do carro através da placa deporta paralela. Foi utilizado o Geany e o KiCad para auxiliar nodesenvolvimento da programação, esses softwares são livres e foram utilizadosem Linux(Ubuntu).

 

 

- 22/01/2010

Terminamos a programação do carrinho e colocamos fios compridospara ligar-lo a placa e ele poder andar por distâncias maiores sem ter que levara placa junto. No final do dia escrevemos a documentação final e juntamos todasas fotos tiradas durante o processo e a anexamos ao relatório.

 

 

- Considerações do grupo sobre o projeto

 Aprendemos a montarplacas e a utilizar a porta paralela algo que nenhum de nós havia tido contatoantes. Alguns membros apresentaram resistência em relação a programação ou interaçãocom o hardware. Aprendemos também a lidar com as ferramentas necessárias paramontar o carro e a placa como alicates, ferro de solda, cola quente e outrasferramentas. Nesse projeto vimos como é possível através da reciclagem decoisas aparentemente inúteis é possível criar coisas novas e uteis.